SINDICAL

  • Cadastro
    *
    *
    *
    *
    *
    Campos marcados com um asterisco (*) são obrigatórios.

Terceirização interessa ao patrão

Hoje (14/04), o Plenário da Câmara dos Deputados deve realizar a apreciação e votação dos destaques apresentados ao Projeto de Lei 4330/2004 que legaliza as terceirizações em qualquer das atividades das empresas privadas ou publicas (o texto não usa os termos atividade fim ou atividade meio). O substitutivo ao projeto, aprovado em sessão realizada na noite do dia 08 de abril, legaliza a contratação direta de mão de obra, sem concurso. A aprovação do projeto representará um grande retrocesso nas relações trabalhistas no Brasil.
Caso o PL 4330/04 seja aprovado os traba-lhadores perderão direitos e garantias historicamente conquistados. Os maiores beneficiados serão os empresários que farão uso de mão de obra barata para garantir baixos custos de produção, aumentando as possibilidades de exploração do trabalhador e de novas formas de trabalho escravo. A terceirização no setor público será liberada e terá, como consequência, extinção, do concurso público e do serviço público como é conhecido hoje. Categorias inteiras podem, ao longo do tempo, ser extintas e substituídas por empresas terceirizadas. Leia mais...
 

Todos contra a terceirização!

Dim lights Embed Embed this video on your site
 

Assembleia Ordinária

 

Entrega da Pauta de Reivindicações 2015



A diretoria do Sindical entregou, na manhã de sexta-feira (20), a Pauta de Reivindicações 2015 à presidente Celina Leão. Na oportunidade, o presidente Josimar Oliveira solicitou o início imediato do processo de negociação.
 
Página 1 de 167
Caminho: Home